sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

"É só mistério, não tem segredo"

Ficar sozinho é bom, é bom pra entender-se, conhecer-se...mas é surpreendente quando se é um mistério, e eu...eu sou mais mistério que mulher...
De mim tenho algumas certezas: que amo a minha mãe, que gosto deste blog, que tenho fé o suficiente para ser ouvida e que pinto as unhas de vermelho.

"Sou tão misteriosa que não me entendo"

Me disseram uma vez que isso era bom...Eu lá sei se é?!
Há quem goste...eu acho.

Eu gosto. É bom ser um enigma para si mesmo. (Às vezes)

P.S.: Primeiras páginas de Perto do coração Selvagem!
não, não é a postagem, eu que tô lendo...a postagem não tem nada a ver com ele...
ele é só um livro dentro de um celular que não toca.

1 Comentário:

Karenina, Dorot disse...

Ahã...ficar sozinho é bom mesmo...ser um mistério também...mulher não pode ser decifrável nas primeiras linhas ou palavras...mulher precisa ser deglutida, colocada do avesso e ainda assim causar dificuldade...ler Clarice também é muito bom...

Postar um comentário

Cerejeira no Quintal © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO